Wi-fi pode ser uma ferramenta de marketing para sua empresa

0
9


Foi-se o tempo em que disponibilizar o wi-fi para os clientes era um diferencial das empresas. Hoje, é praticamente uma necessidade que a conexão seja liberada aos visitantes de lojas, academias, supermercados, lanchonetes, consultórios e outros estabelecimentos. Mas você sabia que é possível transformar esse recurso em uma plataforma para promover o seu negócio?

O wi-fi marketing surge nesse cenário como uma forma de impulsionar as vendas das empresas ao transformar o modo como os clientes usam a rede de internet dos estabelecimentos.

Além de manter uma comunicação mais eficaz e direta com o consumidor, a solução ajuda a deixá-la mais segura, tanto para o empreendimento quanto para o usuário, pois torna obrigatório o registro de todos que acessam a internet.

Anúncio Patrocinado

Funciona assim: ao clicar para se conectar ao wi-fi, o cliente é redirecionado para uma propaganda ou anúncio customizado pelo próprio empresário. É possível, por exemplo, solicitar que o consumidor faça o check-in no Facebook ou login nas redes sociais com um cadastro simples e rápido para garantir a segurança da internet.

As vantagens do wi-fi marketing

Com as informações do check-in em mãos, é possível criar um banco de dados que pode trazer muitos benefícios para as companhias. “Isso ajuda a empresa a entender melhor o comportamento de seus clientes, gerando insights valiosos para o negócio”, afirma Marcelo Sousa, presidente da Associação Brasileira dos Agentes Digitais (Abradi) e diretor executivo da Marketdata, empresa focada em marketing digital.

Inclusive, o wi-fi marketing é uma oportunidade de aumentar as vendas do negócio, especialmente se a empresa souber utilizar os dados coletados de forma eficiente. “Ela pode construir relacionamentos de longo prazo com seus clientes, por meio de benefícios e ofertas pessoais e relevantes”, explica Sousa.

Caso o visitante já seja cliente e tenha um histórico de compras no estabelecimento, o lojista pode enviar uma oferta personalizada por e-mail, SMS ou até mesmo no smartphone, com base nos seus hábitos de consumo.

É possível, por exemplo, segmentar o anúncio para que ele alcance alguém que esteve na loja pelo menos duas vezes e que tenha entre 20 e 30 anos. Ou dar desconto em um produto que foi consultado pelo cliente no passado. Quanto mais personalizada a oferta, maior a chance de o visitante voltar ou finalizar uma compra.

Os dados capturados também podem ser usados para aferir o volume de tráfego e circulação de pessoas no estabelecimento. “Essas informações são extremamente valiosas para reavaliação de localização, layout e distribuição de produtos no ponto de venda”, afirma Sousa.

Além disso, com a base de usuários atualizada, o empreendedor consegue identificar obstáculos de vendas, captar a satisfação dos clientes e prevenir uma possível reclamação.

Já no ambiente digital, o check-in no Facebook ou em outras redes sociais para ter acesso ao wi-fi aumenta o tráfego de clientes na página do estabelecimento na rede social, o que amplia a visibilidade do negócio.

Também é possível observar o número de curtidas das páginas e identificar qual o perfil do público que frequenta sua empresa. Assim, fica mais fácil elaborar estratégias para atrair e fidelizar a clientela.

Como utilizar a função no seu negócio

“A ferramenta pode ser eficiente para qualquer tamanho de empresa, pois o investimento necessário é relativamente pequeno”, afirma o especialista. Basta ter um roteador com a função wi-fi marketing para começar a desfrutar os benefícios dessa solução em seu estabelecimento.

Existem várias opções no mercado, como roteadores corporativos, access points ou hotspots. Eles compartilham o wi-fi com os clientes em troca de um check-in no Facebook ou em outras redes sociais e permitem um maior número de usuários conectados na internet simultaneamente, em comparação ao roteador comum.

Os equipamentos podem ser gerenciados com a ajuda de softwares. Os mais avançados do mercado permitem uma gestão da rede de maneira centralizada e até mesmo na nuvem.

Por meio deles, o empresário também tem acesso a um wireframe, uma espécie de protótipo, para personalizar o portal de acesso ao wi-fi com diversas formas de login na internet.

Independentemente do aparelho escolhido, a função é gratuita, sem custo de mensalidade. Com isso, o empresário ganha acesso a uma ferramenta mais eficiente para distribuir conexão entre os usuários que estão conectados a uma rede com qualidade e segurança.

#noticias #economia #sustentabilidade #dinheiro #economia



Fonte do Artigo
Tags:
#noticias #economia #sustentabilidade #dinheiro #economia #energialimpa #brasil #tecnologia #meioambiente #engenharia #empreendedorismo #energia #energiasolar #politica #energiasolarfotovoltaica #supermercado #solar #sucesso #financas #finanzas #qualidade #educa #bolsonaro #fotovoltaica #vendas #noticias24

Anúncio

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here