Irmão de Pablo Escobar pode processar Elon Musk

0
59
Anúncio Patrocinado



20190712023925_860_645_-_nao_e_um_lanca_chamas Irmão de Pablo Escobar pode processar Elon Musk

No ano passado, Elon Musk trouxe para o mercado o seu próprio lança-chamas, curiosamente batizado de “Not a Flamethrower” (“Não é um lança-chamas”, em português). A Escobar Inc., empresa de Roberto Escobar, irmão de Pablo, um dos narcotraficantes mais famosos da história, lançou recentemente seu próprio lança-chamas. Os dois produtos são muito parecidos e, segundo Escobar, a semelhança se dá porque Musk roubou sua ideia.

“Ele [Elon Musk] mudou o nome para ‘Não é um lança-chamas’ para evitar cumprir qualquer tipo de negócio que tínhamos”, disse Escobar, que também é o fundador da Escobar Inc.. Em fevereiro do ano passado, no entanto, o CEO da Tesla disse que mudou o nome do dispositivo porque muitas agências alfandegárias não permitiam a entrada e saída de uma coisa chamada “lança-chamas“.

Segundo o colombiano, engenheiros da Tesla o visitaram em meados de 2017. Na ocasião, discutiram a respeito de um lança-chamas, mas nada resultou daquela conversa. No entanto, no início de 2018, Musk lançou o “Not a Flamethrower”, através da The Boring Company — o que irritou Escobar.

Roberto, que já foi o contador de Pablo Escobar, alega ter feito um acordo com o CEO da Tesla e da SpaceX para lançar o dispositivo sob o guarda-chuva da Tesla. Em troca, Musk deveria lhe pagar 20% dos lucros. Escobar não forneceu qualquer prova do acordo, mas afirmou que está disposto a levar a questão aos tribunais.

Anúncio Patrocinado

“Esses 20% valem agora cerca de US $ 2 milhões”, disse Escobar. “No entanto, devido à sua calúnia, e devido ao seu não pagamento, estamos solicitando US $ 100 milhões”.

Porém, é difícil justificar a exigência de Escobar. Ainda que se prove que, de fato, Musk tenha roubado a ideia do lança-chamas, ele só produziu 20.000 unidades. Foram ganhos apenas US $ 10 milhões de dólares com as vendas dos dispositivos (US $ 500 cada), isso sem descontar os custos de fabricação. Tais valores são (muito) menores do que os 100 milhões de dólares aos quais Roberto acha que tem direito.

O lança-chamas da Escobar Inc tem um design excepcionalmente semelhante ao de Musk e oficialmente também é vendido por US $ 500, embora possa ser encontrado pelo preço promocional de US $ 250.

“É muito claro que o Sr. Musk agiu mal aqui. Estamos assumindo que ele vai resolver [a questão] conosco a qualquer momento agora. Nosso lança-chamas é um produto muito superior, como evidenciado por vídeos que agora estão se tornando virais” disse Daniel Reitberg, COO da Escobar Inc., ao veículo Digital Trends. “Isso é o que acontece quando você tenta copiar alguém. Parece bom, mas a funcionalidade simplesmente não está lá. Algumas pessoas podem pensar que isso é pequeno, mas imagine o que mais o Sr. Musk pode estar fazendo por trás de todo o mundo?”.

20190712023925_860_645_-_nao_e_um_lanca_chamas Irmão de Pablo Escobar pode processar Elon Musk

Roberto Escobar ainda acrescentou que Musk não está fazendo um bom trabalho na Tesla. “Acho que Elon precisa limpar todos seus problemas nos negócios e levar Tesla e sua vida mais a sério”, disse Escobar. “Mas comece enviando-me US $ 100 milhões”.

“Ninguém está usando Tesla aqui”, disse Escobar. “Ouvi algumas pessoas no México usá-lo para transportar drogas com o piloto automático”, acrescentou ele, embora não tenha fornecido nenhuma evidência.

Esta não é a primeira vez que Escobar exige dinheiro de uma grande empresa de tecnologia: ele exigiu US $ 1 bilhão da Netflix por causa da série Narcos, mas acabou desistindo dessa missão em janeiro de 2018.

A The Boring Company mão emitiu comunicado oficial sobre o assunto, mas Musk — para variar — tuitou a respeito: “Não é um lança-chamas, Sr. Escobar.”

Escobar disse que espera receber seus US $ 100 milhões.





Fonte do Artigo

Anúncio

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here